Sobre Nós

O início - Às 10 horas da manhã do dia 17 de Agosto de 2001, entrava no ar, oficialmente, o sinal da então Rádio Comunitária FM de Santo Antônio da Patrulha. Presentes à inauguração, o Prefeito Municipal José Francisco Ferreira da Luz, seu Vice Daiçon Maciel da Silva, o Presidente da entidade Assistencial Cacá, mantenedora da emissora, Marcelo Fahrion, além de amigos da imprensa e outras autoridades. Foi um começo difícil, devido à precariedade dos equipamentos e falta de pessoal operacional. Mas com o tempo fomos organizando a programação, comprando novos equipamentos, informatizando-os e adotando outras tecnologias a fim de realizar transmissões externas e qualificar cada vez mais o som recebido pelos nossos ouvintes. Atualmente, atendendo determinações do Ministério das Comunicações, operamos na faixa dos 98,1 Mhz em Freqüência Modulada.
Os objetivos - Nosso objetivo principal é manter uma produção diferenciada das rádios comerciais, mais próxima, em termos de linguagem, do público ao qual nos dirigimos. Veicular um processo de valorização da comunidade patrulhense, ressaltar fatos positivos, denunciar problemas e realizar um trabalho de informação e conscientização quanto aos diretos e deveres da população no exercício da sua cidadania. O caráter comunitário está relacionado com a identificação e proximidade entre a rádio e seus ouvintes, a fim de interpretar cartilhas e informações, às vezes distantes do seu objetivo; ampliar possibilidades a quem não tem acesso à participação na mídia, possibilitar um referencial aos ouvintes do que está sendo feito por segmentos sociais na valorização da comunidade e tornar possível ações integradas para melhora da qualidade de vida.
Finalidade da Programação - A Rádio 98,1 Fm realiza um trabalho de entretenimento, esclarecimento público e educação através de uma linguagem próxima à realidade do povo patrulhense. Assim é a abordagem da emissora nas suas entrevistas, cartilhas, jornais, revistas, livros ou panfletos, traduzindo-os de forma acessível dentro da ética, das normas técnicas e do respeito às leis vigentes no país. Problemas relacionados com nossa comunidade têm abordagem clara e precisa, com pluralidade de opiniões, sempre baseadas na verdade, na boa prática jornalística e de forma acessível a todos, independente da posição que ocupam na sociedade. Participamos de intensas campanhas contra uso de drogas, fumo, álcool, educação preventiva ao câncer de mama, AIDS, hipertensão e muitas outras campanhas educativas, visando o esclarecimento e ensinamentos à população normalmente à margem da informação, educação e cultura. A Rádio 98,1 FM possibilita à população uma cobrança efetiva dos Poderes Constituídos, soluções para os problemas da nossa cidade; e por meio do esclarecimento, a afirmação da cidadania, permitindo sua intercomunicação, aproximando e diminuindo as distâncias sociais.